aneurisma da aorta abdominal (AAA) é um problema grave e suas complicações podem ser irreversíveis. Para saber como prevenir e tratar a doença é importante, antes, entender no que consiste o problema.

O Aneurisma é uma dilatação localizada de um vaso sanguíneo. A Aorta, a artéria mais calibrosa do nosso corpo, é um dos locais mais comuns de ocorrer esse tipo de dilatação.

O AAA pode ser encontrado em aproximadamente 5% a 8% dos adultos maiores de 55 anos, sendo que geralmente cresce de forma lenta e sem apresentar nenhum sintoma. A ruptura é a sua complicação mais grave e está associada com altíssima mortalidade, sendo considerada uma causa importante de morte súbita.

Assim, é imprescindível realizar um diagnóstico precoce, visando identificar o problema e iniciar o tratamento o quanto antes.  

Como é o diagnóstico do aneurisma da aorta abdominal

O diagnóstico é realizado, na maioria das vezes, de forma incidental quando o paciente faz algum exame de imagem, como ultrassonografia do abdômen ou tomografia, para uma investigação de rotina.

Prevenção

A melhor estratégia de prevenção das suas complicações, principalmente da ruptura, é o diagnóstico precoce. Desta forma, pessoas com mais de 60 anos, fumantes, com história de pressão alta, antecedentes familiares de aneurisma e doenças do coração devem realizar consulta periódica com seu médico para uma avaliação.

Como é o tratamento?

O tratamento do aneurisma da aorta abdominal dependerá de diversos fatores, mas  está fundamentado, principalmente, no seu tamanho.

Pacientes com aneurismas pequenos, onde os riscos de complicações é baixo, podem ser acompanhados  com exames de imagem periodicamente. Nos pacientes com aneurismas maiores (geralmente maiores que 5 cm no caso da aorta abdominal) deve-se considerar o tratamento cirúrgico ou endovascular.

técnica endovascular é um método de tratamento minimamente invasivo, que já está bem estabelecida para o tratamento do aneurisma da aorta abdominal e da aorta torácica, proporcionando resultados animadores a curto e a longo prazo.

A vantagem desse tratamento é que pode ser realizado com pequena incisão ou punção na região inguinal, na virilha, minimizando o desconforto no pós-operatório. Saiba mais sobre os tratamentos para aneurisma da aorta oferecidos pela Coris.

Compartilhe esse artigo com seus amigos e familiares, o aneurisma da aorta é uma realidade e contribuir com sua prevenção pode salvar vidas.

Material escrito por:
Cirurgião Vascular e Endovascular - CRM 4089 / RQE 10592

Médico graduado pela Universidade Federal de Santa Catarina, em 1985. Realizou o doutorado em Medicina e Cirurgia na Universidad Autonoma de Barcelona (1991).   Ver Lattes

Do que você precisa? Veja todos os procedimentos realizados pela Coris Vascular.

PESQUISAR